Insônia

12:00 – ainda espero

01:00 – não perco tempo, rezo

02:00 – um rosário encerro

03:00 – sinto que ainda me esmero

04:00 – canto um bolero

05:00 – me desespero

06:00 – não mais te quero

07:00 – no ponto, espero.


2 sorveram o néctar:

Wellington disse...

Gostei muito! Não vou te desejar outras noites insones, é claro, mas desejo muitos poemas como este!

Isabelle Rabelo disse...

às 13:27 eu AMO e me encanto com seu relógio!!!


Beijos!